Chef Ciça Roxo promove revitalização da horta orgânica do Centro Universitário IBMR

WhatsApp Image 2019-03-26 at 15.46.10 (3)
Foto de Simone Carrocino

A ação integra as aulas práticas realizadas por Ciça e visa estimular o contato dos estudantes de gastronomia com a agroecologia, no campus da Barra da Tijuca

Os alunos do curso de Gastronomia, do Centro Universitário IBMR, começaram o dia 25 de março com a mão na terra. Numa manhã ensolarada, de uma segunda-feira, os estudantes arregaçaram as mangas para limpar a horta urbana cultivada no terraço da instituição, no Campus da Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio.

O espaço e a revitalização dele são iniciativas da chef Ciça Roxo, docente do IBMR. A ação integra o conjunto de atividades desenvolvidas durante as aulas de Projeto Integrado, matéria ensinada por Ciça, cuja finalidade é mostrar aos estudantes a origem dos alimentos orgânicos e a importância da conscientização alimentar e ambiental para profissionais da gastronomia.

Iniciada de maneira despretensiosa, a horta urbana era apenas um canteiro decorativo, que foi ganhando “corpo” e sementes por intermédio de Ciça Roxo, de seus alunos e de outros docentes. Atualmente, a manutenção da horta integra a grade do curso de Gastronomia e faz parte dos critérios de aprovação para os períodos seguintes.

Carmem Diniz foi uma das primeiras alunas de Ciça e, atualmente, trabalha ao lado da chef e professora, no IBMR. Carmem é técnica de laboratório, prepara as aulas dos docentes e os eventos da faculdade. A profissional também está entre aqueles que deram vida à horta urbana. “Eu fui aluna da Ciça Roxo, em 2011, aos 40 anos – um desafio. O projeto da horta começou humilde, não era como agora, que integra a grade de aula. A gente só plantava, cada um trazia um muda e, dessa forma, o canteiro se transformou neste espaço. O manjericão é uma das plantas que mais perfuma o corredor do terraço, por exemplo”. A técnica se formou em 2013 e trabalha há seis anos com os professores do curso de Gastronomia, na instituição.

O resultado final da matéria Projeto Integrado é a criação de um produto com potencial para ser inserido no mercado, com ingredientes colhidos na horta, sendo muito deles PANCs (Plantas Alimentícias Não Convencionais), como a taioba, a beldroega e outras. “Cada aluno ficou responsável por um pedaço de terra e a plantação é resultado do cultivo desta horta. No final do semestre, ao utilizar os ingredientes retirados da horta para o trabalho de conclusão de curso, os estudantes terão criado, na verdade, um produto com forte característica brasileira.” Explica Ciça Roxo.

WhatsApp Image 2019-03-26 at 15.44.49
Chef Ciça Roxo / Foto de Simone Carrocino

Durante aulas, Ciça conta com a monitoria de Andressa Viana, estudante do 4º período de Gastronomia. A aluna explica sobre a importância do envolvimento dos seus colegas com a horta: para a universitária, entender a origem dos ingredientes usados na elaboração de pratos facilita a valorização da terra e a criação de diversos produtos. César Neto, também do 4º período, endossa a fala de Andressa, sem perceber, quando revela sua atuação profissional em paralelo com os estudos.

César é dono de um empreendimento que prepara comidas para animais de estimação com base em produtos orgânicos. “As aulas do Projeto Integrado proporcionam à você o conhecimento sobre o seu produto, desde o plantio, sabendo o sabor, os métodos para a venda. Isso prepara a gente para o mercado e para oferecer uma mercadoria com qualidade e sem aditivo.” Afirma o estudante.

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Escreva um blog: WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: